Este website utiliza cookies para nos ajudar a prestar-lhe um melhor serviço aquando da sua visita ao nosso site. Ao continuar a utilizar este website, está a permitir a nossa utilização destes cookies. Proceed

Authored songs

Não quero, não

Não quero, não é um poema de Eugénio de Andrade musicado por Manuela Encarnação.

O poema pertence a uma coleção de poemas para crianças, dedicados pelo poeta ao seu afilhado Miguel, publicados em 1986 sob o título Aquela nuvem e outras.

 

Língua Portuguesa

 

Realizar uma pesquisa sobre a vida e obra de Eugénio de Andrade.

Refletir sobre a temática do poema e as escolhas profissionais.

Refletir sobre o que  é a liberdade.

 

 

Song pdf
Download
Score
Lyrics

Não quero, não

 

Não quero,

não quero, não,

ser soldado nem capitão

 

Quero um cavalo só meu,

seja baio ou alazão,

sentir o vento na cara,

sentir a rédea na mão.

 

Não quero,

não quero, não,

ser soldado nem capitão

 

Não quero muito do mundo:

quero saber-lhe a razão,

sentir-me dono de mim,

ao resto dizer que não.

 

Não quero,

não quero, não,

ser soldado nem capitão

TAGS
soldado capitão liberdade valores
A Minha Lista